top of page

Transição de carreira: Passo 2 – Saiba suas motivações para mudar.

Atualizado: 21 de mai. de 2023

Você já parou para pensar por que deseja fazer uma transição de carreira?


Neste texto, vou compartilhar um pouco sobre como nosso inconsciente funciona e a importância de compreender o que está acontecendo nele para realizar uma transição de carreira com menor custo e maior eficácia.


Sempre que desejamos algo, existem motivações subjacentes. Algumas dessas motivações são positivas e saudáveis outras nem tanto.


Você já investiu tempo e dinheiro em algo que esperava trazer resultados incríveis, mas acabou se contentando com muito menos do que esperava, ou até mesmo enfrentando um grande prejuízo?


Provavelmente, existiam motivações negativas inconscientes que você não percebeu e que afetaram a eficácia de suas decisões.


Não se trata de certo ou errado ter motivações negativas, mas é crucial reconhecê-las para lidar com elas. Como identificá-las?


Motivações positivas estão relacionadas à sua busca pessoal por mais felicidade, por colocar no mundo seus talentos e dons, e por servir às pessoas com o melhor que você tem a oferecer. Você as reconhece pelas emoções de entusiasmo, alegria e prazer que elas trazem.


Motivações negativas estão ligadas ao desejo de fugir de uma situação desconfortável (como a carreira atual) ou de evitar desafios emocionais aos quais você está exposto. Talvez você queira uma nova carreira para obter mais reconhecimento ou status. Quando você foge ou nega essas situações, e usa a tendência de fazer uma transição de carreira porque "está na moda", aquilo que você não enfrentou na carreira atual continuará com você na nova. Você tentará e fracassará várias vezes até perceber que está motivado erroneamente.


Essas motivações negativas nem sempre são claras. Seu inconsciente as esconde de você, mas é possível perceber sua presença por meio das emoções de ansiedade, angústia e insegurança que você sente ao pensar em mudar de trabalho.


Conforme mencionei, todos nós temos ambas as motivações, mas ninguém quer encarar as motivações negativas (às vezes, é necessário buscar ajuda externa para isso). No entanto, estou alertando que, se você as ignorar, elas acabarão emergindo e, muitas vezes, destruindo investimentos importantes, fazendo você retroceder no jogo da mudança.


Outro alerta importante é que, ao analisar suas motivações positivas, você pode refletir se realmente precisa mudar de carreira ou de emprego para satisfazê-las. Algumas pessoas realmente precisam fazer uma mudança, mas muitas podem atender a todas as motivações positivas mantendo um hobby ou um projeto paralelo por anos.


Saiba mais assistindo ao vídeo no YouTube: https://youtu.be/7oBNYyNLIGE?sub_confirmation=1


Está gostando até aqui?


No próximo texto, haverá mais informações.


Até lá,


Heitor G. Fagundes

Terapeuta


4 visualizações0 comentário

Comments


bottom of page